sábado, 29 de abril de 2017

E na terra dois filhotes da cachorra de guarus: espelho, espelho meu, existe alguém mais...

Desnecessário dizer que, salvo para consumo interno, pesquisas raramente respondem algo que contrarie quem paga por elas...

Aliás, é engraçado como na medida que os "institutos" anteriores não detêm a menor credibilidade, vão surgindo outras siglas e outros botequins de sondagem...

A matéria do jornal que limpa a bunda do prefeito é singular: não tem o patrocinador da enquete, nem muito menos indicações de metodologia, ou variáveis de amostragem, resumindo tudo em "maiores de 16" e com um universo de entrevistas ridículo, se considerada as poucas faixas (idade, renda, escolaridade, etc) de entrevistados...

Bem, não adianta falar nisso, porque a "pesquisa" é só mais uma peça de propaganda...


No entanto, o diabo mora nos detalhes...


Vejam vocês, meus dois leitores, que as perguntas da pesquisa falam muito mais que as respostas:

Perguntaram se o prefeito morcego é "decidido", se é "trabalhador", enfim, se, o neto da cachorra de guarus é honesto, sincero e rápido nas decisões...

Ora, ora, ora, só imbecis perguntariam (e divulgariam) esse tipo de coisa, porque mostram que estão preocupados com esses aspectos da imagem, ou seja, sabem que a população já identificou justamente o contrário...

Boçais...

Bastava uma única pergunta, que acredito já foi respondida pelos panacas que elegeram esse prefeito de bosta: 

Está melhor ou pior do que era?

Simples assim...

3 comentários:

Anônimo disse...

Da Mata, veja o filme : DEUS não está morto.

Veja e me diz.

Admirador anônimo e sempre ao seu lado, cara.

douglas da mata disse...

Tem razão, deus não morreu, está em estado vegetativo há milênios...rs...

Sim, porque se ele estivesse vivo, e tivesse deixado o mundo chegar a esse ponto eu lhe diria: vá se fuder, preguiçoso do caralho!

Anônimo disse...

Adoro daqui a lua rs